Jogo de Tabuleiro dos Direitos Humanos

As turmas do sétimo ano da Escola Secundária de Santa Maria da Feira terminaram o ano letivo a participar num Jogo sobre os Direitos Humanos.  

A iniciativa resultou de uma parceria entre a Bibilioteca Escolar, a Coordenadora da Estratégia de Educação para a Cidadania na Escola e a Assistente Social.

Os alunos manifestaram empenho e conhecimento sobre os direitos básicos de todos os seres humanos. 

Projeto Curricular Interdisciplinar do 11º H:

Letras (com)vida – Uma escola (com vida), Educa Ambiente!

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Click to read this book, made with Book Creator

https://read.bookcreator.com

pobreza

Click to read this book, made with Book Creator

https://read.bookcreator.com

Desenvolvimento Sustentável

Click to read this book, made with Book Creator

https://read.bookcreator.com

Levantei-me do Chão, o Concerto

No dia 3 de junho de 2022, as turmas 12º B,I,J, K assistiram no auditório da Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira ao espetáculo “Levantei-me do Chão, o Concerto”.  

Tratou-se de um concerto-teatral, de autoria e representação de Carlos Marques, da cooperativa cultural Trimagisto, estreado em 2015. Inserido nas comemorações do centenário do nascimento de José Saramago, este espetáculo permitiu ainda contactar com o romance Levantado do Chão de José Saramago e homenagear o 25 de abril, através das referências musicais a Gilberto Gil, Zeca Afonso, Zé Mário, Fausto e Sérgio Godinho.

O ator, enquanto entusiasta por Saramago e brincador de profissão, conseguiu surpreender o auditório durante uma hora e transmitir uma mensagem nem sempre fácil de entender. Parabéns à Biblioteca Municipal pelo convite oportuno, ao ator da Trimagisto e respetivos colaboradores e parabéns, da parte do Carlos Marques, ao auditório pela simpatia e envolvimento no espetáculo.

Clube de Teatro “O Grito da Terra”

CLUBE DE TEATRO DA BIBLIOTECA

 Convite

A biblioteca escolar criou, neste ano letivo, o Clube de Teatro. Dadas as circunstâncias que nos afetaram nos últimos anos, em consequência da pandemia, o clube iniciou as suas atividades apenas em meados de março último, recorrendo à inscrição voluntária de alunos de todos os anos de escolaridade. Inscreveram-se no clube e frequentaram as sessões regularmente, alunos das seguintes turmas:  7º F, 8º F, 10º C, 10º J, 11º I,  11º J, 12º B e 12º D. Foi um trabalho de muito esforço coletivo e de cocriação para encenar e ensaiar uma peça escrita por Mafalda Almeida, no âmbito da Cidadania e Desenvolvimento (Educação Ambiental) no ano transato.

Chegou a hora de partilharmos o nosso último ensaio e, como ainda não podemos juntar uma grande quantidade de pessoas, tivemos que fazer escolhas. Assim, pareceu-nos um critério aceitável envolvermos na assistência as turmas às quais os atores pertencem. São os seus colegas mais próximos e também aqueles de quem, nalguns casos, se  vão  despedir, pois terminam o secundário.

Pedimos, assim, aos professores que têm aulas no dia 6 de junho próximo, pelas 15.40 h, que acompanhem as suas turmas ao átrio da secretaria da escola para que possam assistir à apresentação da peça, ainda em ensaio aberto, e nos possam brindar com o prazer da sua presença.